Há várias visões sobre os corpos do homem, esta aqui é uma delas e na meditação de Efraim podemos entrar em contato com o divino, com o sobrenatural ativando estes veículos paralelos.

 

 

 

              

Pois, se Deus assim veste a erva do campo, que hoje existe, e amanhã é lançada no forno, não vos vestirá muito mais a vós, homens de pouca fé?

Mateus 6:30

 

 

 

 

                Esta expressão do Messias é relacionada à vestimenta e alimento físico, mas é acima de tudo a vestimenta espiritual.  As vestes espirituais é um corpo que adquirimos na meditação. Meditando nós criamos este corpo para entrar em contato com os mundos paralelos.

 

 

 

 

Sete coisas que devemos saber sobre as vestes espirituais ou corpo místico

 

 

 

 

 

1)    O corpo espiritual da igreja chamado de noiva é uma Egrégora mística, do qual todos os eleitos da igreja fazem parte, da mesma forma a Virgem filha de Sião também é um Egregora da qual os israelitas fazem parte. Este corpo é coletivo e está em nós, nós somos ele, estamos nele.

2)    O corpo Egregora dos antepassados da semente de Abraão, que nos liga a nossa missão na terra por Israel e nos impele a fazer a Teshuva.

3)    A carne ou Yetzer Hara, ele faz parte de nós, é nossa inclinação para o mal, é aquele corpo que nos leva ao pecado, aos prazeres mundanos.  Ele é negativo, mas parte dele é importante, como o corpo de desejos que nos dá a sexualidade, pois sem a sexualidade não haveria erotismo e reprodução, no entanto devemos lutar todos os dias para controlar este poder interno que nos liga as paixões terrenas.

4)    Yetzer Hatov, o corpo de luz, nossa inclinação para a luz. É nosso corpo que nos liga ao divino, nosso Ruach que trava o contato com o espírito do Eterno.

5)    O corpo vital é ligado a terra, a energia telúrica, é ele que fica no túmulo e aguarda a ressurreição. Quando a ressurreição ocorrer não será do corpo físico que estará decomposto, será do corpo vital que é uma cópia do corpo físico. É este corpo que é manipulado pelos magos e usado em rituais de magia negra. No entanto os que morrem na luz seus corpos não podem ser tocados, nem devorados por Devoradores de cadáveres como o Exu Boiadeiro.

6)    O Eu sutil, é um corpo superior conquistado na meditação que nos leva a andar fora do corpo físico e visitar os palácios celestiais ou Hekhalot. Esta é a meta de todo cabalista. É bom ter este corpo desperto, porém é muito perigoso e pode levar a loucura se somos dominados ou cercados pelos malditos Djinns ou então pelos Shedim, ou mesmo Dibbuks, entidades do mal que procuram nos atacar no plano astral impedindo nosso progresso.

7)    O Emissário Fiel, este corpo é o que vai para a vida Eterna, também é chamado de corpo glorioso ou querubim com formato de homem glorioso visto por Ezequiel. É um corpo que está fora do tempo e do espaço e também pode ser chamado de Eu Maior, pois está além das limitações da matéria.

 

 

 

                   Todas estas vestimentas espirituais são armas que podemos usar contra as forças do caos e da morte, mas estas vestes também podem se voltar contra nós como no caso da Yetzer Hara.

 

 

 

                  Yeshua disse neste versículo que o Pai é quem dá nossa vestimenta assim como dá aos lírios do campo, por isso temos que orar e confiar nele antes de meditarmos para não vagarmos para a sombra da morte onde nossa alma será presa fácil para as forças do caos.

 

                 Efraim é a tribo que comanda as várias tribos do Retorno e seu poder maior será na segunda metade da grande tribulação quando as tribos dispersas de Israel despertar em todo o mundo e marcharem para a terra santa. No entanto já vivemos hoje combates terríveis entre a luz e a escuridão.

 

 

 

                 Nosso maior inimigo é o Shedim ou demônio, é ele que tenta nossa carne e nos leva a pecar. Ele às vezes entra em familiares, conhecidos e amigos para nos ofender, perseguir, zombar de nós, etc.

 

 

                  A palavra Shedim já é demônio no plural, pois ele só ataca em legião.

 

                Por isso não temas quando pessoas te atacarem e te ofenderem sem motivo, só ora em espírito, em pensamento, pedindo a misericórdia divina por estas pessoas, pois não são elas que estão te atacando, há um poder oculto regendo as almas como o maestro de uma orquestra rege os músicos.


conheça mais destes segredos místicos neste link

COMECE A MEDITAR